SERMÕES DE QUARTA-FEIRA DE CINZAS

Código: 440

Autor: Vieira, A.

Editora: EDITORA UNICAMP

De R$ 26,00 Por R$ 13,00
SINOPSE
 
Em três sermões de Quarta-feira de Cinza, data que marca o início do período quaresmal no calendário católico, o jesuíta português Antonio Vieira (1608-1697) tratou da morte como cerne da consciência cristã, como objeto de temor que orienta as práticas da existência e ainda como forma última do desejo. Em seu conjunto, os argumentos relativos à eternidade, à hora da morte e às misérias da vida e dos vivos compõem uma dialética afetiva de temor e consolação que está na base de uma surpreendente arte de morrer. Antonio Vieira (1608-1697) foi um religioso, filósofo, escritor e orador português da Companhia de Jesus. Uma das mais influentes personagens do século XVII em termos de política e oratória, destacou-se como missionário em terras brasileiras. Nesta qualidade, defendeu incansavelmente os direitos dos povos indígenas combatendo a sua exploração e escravização e fazendo a sua evangelização. Na literatura, seus sermões possuem considerável importância no Barroco brasileiro e português. Assista ao programa Café com Conversa sobre o livro. Veja mais: https://blogeditoradaunicamp.com/2017/08/18/cafe-com-conversa-literatura-e-redacao-no-vestibular/
FICHA TÉCNICA
 
ISBN: 9788526813670
Ano da Publicação: 2016
Edição: 1
Formato: 18,00 x 10,50 x 1,00 cm.
Nº Páginas: 200 pp
Peso: 160 g.