TECNOCRATAS E A POLÍTICA DE SECA E DESENVOLVIMENTO NO BRASIL DO SÉCULO XX

Código: 633

Tradutor: Cynthia Costa

Autor: Eve E. Buckley

Editora: EDITORA UNICAMP

R$ 90,00
SINOPSE
 

Este livro “examina a ciência e a tecnologia como instrumentos problemáticos de reforma social em uma região empobrecida da América Latina. Investiga os tecnocratas brasileiros do século XX que se viam como um meio-termo entre o conservadorismo reacionário das elites latifundiárias e os impulsos revolucionários dos reformadores de esquerda. No centro deste estudo, estão a imprevisibilidade do clima e os riscos que ela impõe a paisagens nas quais a pobreza está enraizada. Este é um tópico com ressonância crescente, já que comunidades em todo o mundo têm enfrentado flutuações extremas nos padrões climáticos. Em última análise, este livro pergunta até que ponto a especialidade científica pode resolver problemas sociais urgentes – sobretudo as desigualdades gritantes no que diz respeito à riqueza e à segurança. É destacada, assim, a limitação dos tecnocratas como agentes de mudança social”.

Eve E. Buckley estuda a história da medicina, da saúde e do meio ambiente na América Latina do século XX, particularmente no Brasil. Ela está interessada no uso da ciência e da tecnologia para resolver problemas de pobreza e subdesenvolvimento em sociedades pós-coloniais. A autora é bacharel pela Universidade de Chicago e mestre e doutora pela Universidade da Pensilvânia. Atualmente, é professora na Universidade de Delaware, em Newark (EUA).


FICHA TÉCNICA
 
ISBN: 9788526815247
Ano da Publicação: 2021
Edição: 1
Formato: 23,00 x 16,00 x 2,00 cm.
Nº Páginas: 288 pp
Peso: 400 g.